Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

[in]Sensato

Momentos de reflexão, opinião, crítica e entretenimento

23
Fev19

Quando a resposta à violência doméstica gera humor - Lorena

por P. P.

Lorena

 

      Em 1993, após outra noite de agressão por parte do marido, nos EUA, Lorena Bobbitt foi à cozinha, durante a noite, enquanto este dormia embriagado e pegou numa faca. Com esta, cortou os genitais de John Bobbitt. Chamados os órgãos idóneos, iniciou-se uma busca ao pénis perdido, lançado em algum lado, uma vez que, ela não se lembrava do que tinha feito. Até que algo a fez com que se recordasse de um campo, no qual um polícia, muito religioso, acabou por pisar o "instrumento", dizendo, com algum constrangimento à sua equipa "Está aqui!". Munidos dos materiais necessários, conseguiram levar atempadamente o membro do John, até à clínica de um cirurgião que, pela primeira vez, levou a cabo um implante.

 

    Este caso tornou-se mediático e deu origem a vários programas de sátira. Naqueles tempos, questionou-se o que seria mais importante: a vida ou um pénis. Na generalidade, pelo que vi e ouvi, a maioria dos homens, defendeu "o pénis". Este caso encontra-se documentado na Amazon Prime Video, no documentário Lorena. Caso pretenda assistir ao trailer basta seguir a seguinte hiperligação, aqui

 

    Graças à participação em diferentes programas e a todo o mediatismo, afinal era o "homem", de que ainda me recordo, em 1996, depois de mandar aumentar e engrossar o "instrumento" já funcional, John participou num filme pornográfico Frankenpenis. O que maior receita gerou naquele ano. 

 

    Do julgamento, ambos foram absolvidos. 

Se quiser saber um pouco mais acerca de A história dramática da castração que chocou (e divertiu) o mundo, basta aceder à hiperligação aqui partilhada.

 

    Antes de cortar, pense duas vezes. Já não estamos nos anos 90 e é de extrema importância que, perante a 1.ª agressão, a vítima demarque a sua posição. Denunciar não pode ser esquecido. Independentemente do género.

 

13
Fev19

Os Vizinhos - 1.ª temporada - os Indutores da nossa Vida podem estar tão Perto

por P. P.

Nieuwe-Buren I- Os Vizinhos T1

 


    Os Vizinhos ou Nieuwe Buren, aqui na sua 1.ª temporada (cf. a hiperligação) é uma série holandesa, que está disponível na plataforma Prime Video, nas suas duas temporadas.


    Um argumento fantástico, para uma produção e elenco à altura. Esta série dramática, facilmente adquire tons de erotismo e thriller. Aliás, tudo começa com uma criança, a brincar no jardim com um palhaço, segredando-lhe não poder regressar a casa. Isto porque, os pais estão a discutir com os vizinhos. Nada escutando, o palhaço aproxima-se da varanda e vê a cortina manchada de sangue, assim como o esboço de uma mão ensanguentada no vidro. Num ápice, a série regressa ao passado, no momento em que um casal procura uma casa para viver com a vinda da 1.ª filha. Como o bairro parece muito familiar compram uma das casas, envolvendo-se, de forma diferente, com os vizinhos.


    Alguns dos primeiros episódios podem dar a ideia de uma série lenta, mas tal não acontece. Estamos a ser preparados para uma dose de sensualidade e suspense intenso. Dos pontos inesperados e pouco abordados em séries e filmes, são retratados através da deficiência hereditária, dado o gene dominante de um dos progenitores e a doença incapacitante na velhice. Neste, o desejo e a inversão de papéis, no que ao mais capacitado diz respeito. A vingança e a maldade humana, que se pode esconder no mais etéreo dos seres humanos.


    Nesta primeira temporada são abordados alguns dos seguintes assuntos: relacionamentos abertos, a prática de swing, a sexualidade na 3.ª idade, a traição, o fio ténue da confiança, a discriminação em contexto escolar, em função das práticas dos pais, a terapia de casal, a deficiência hereditirária, a infertilidade, a religião, as toxicodependências, a falsa inocência e a sociedade de aparências.


     Os episódios finais são simplesmente contagiantes. Torna-se difícil abandonar a série por poucos minutos que seja. Afinal, tudo começou com evidências que podem ou não corresponder à realidade. Alguém morre? Em caso de vítimas, quantas são? Quem são os prováveis assassinos?

    Embora se trate de uma série aconselhada para maiores de 16 anos, não me parece recomendável a pessoas mais sensíveis. Um ponto a ter em atenção, nada do que é abordado é fantasia.

 

#theneighbors #nieuweburen #osvizinhos #primevideo #rtl4

03
Nov18

I Love Dick

por P. P.

I love dick

 

 

 

   O que estarão a pensar desse lado, face ao título deste post?

Estou curioso!

 

   Neste caso, Dick não é uma "pila", mas o nome de uma personagem masculina. Nada peculiar!

Por outro lado, I Love Dick é uma série, em 8 episódios de 30 minutos cada, que podemos ver na Prime Video, da Amazon. A sexualidade vista numa perspetiva feminina, mas que, curiosamente, explora mais o corpo feminino do que o masculino, omitindo toda a genitália .

 

   Chris e Sylvere, habitantes de uma comunidade académica no interior do Texas, têm dificuldade em manter o seu casamento, enquanto precisam lidar com a obsessão em comum pelo desagradavelmente carismático Dick. Enquanto a união se desfaz, um artista nasce, e com o decorrer da ação, Dick relutantemente vê-se endeusado. 

 

   Por vezes, deparamo-nos com devaneios que assim devem permanecer. Nem sempre a atração idealizada corresponde à real. Uma comédia ligeira, para um público jovem adulto.

 

 

 

 

11
Out18

A série Red Oaks

por P. P.

Red Oaks 2014-17

 

 

 

   É apaixonado pela década de 80?

Gosta de humor com uma carga sensual? Não dispensa os êxitos musicais dos 80s?

Aprecia uma série ligeira, com episódios que não chegam aos 30 minutos?

 

Pois bem, as três temporadas de Red Oaks, entre 2014 e 2017, estão disponiveis na Prime Video , em UHD e HDR.

O regresso ao passado permite-nos recordar as "formas de engate" de então, os agora ridículos exercícios físicos praticados, a troca de olhares, nos balneários, entre os "em forma" e gordos, as plásticas, o que se perdeu com o deambular dos tempos, a evolução, ...

 

De seguida, deixo-lhe os trailers das 3 temporadas.

 

Temporada 1

 

 

Temporada 2

 

 

Temporada 3

 

 

Pesquisar

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Sussure-nos

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Direitos

Ainda que procure uma utilização cautelosa e não abusiva de textos, imagens e sonoridades, poderá haver lugar à utilização indevida de obras objeto de direitos de autor. Contudo, apesar do recurso às hiperligações de origem, sempre que a legislação o implique ou seja devidamente informado, de imediato procederei a reajustes. Os textos e fotografias sem referência bibliográfica são da minha autoria.

Wook