Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

[in]Sensato

Momentos de reflexão, opinião, crítica e entretenimento

30
Abr18

A Angariar fundos para a Alzheimer Portugal

por P. P.

dementia-3268560_1920.jpg

 

 

   Das poucas vantagens que reconheço no Facebook, descobri a angariação de fundos para instituições. Dada a proximidade do meu aniversário, decidi colaborar.

Como tal, apesar de ainda não dominar muito bem a funcionalidade, decidi criar a seguinte angariação, com vista a apoiar a Alzheimer Portugal. A demência em causa não é exclusiva de idosos. Desenganem-se! 

 

O que me levou a esta angariação, solicitando, desde já, que cliquem na hiperligação que criei na palavra "seguinte", do período anterior:

 

 

Nos últimos 7 anos, a Doença de Alzheimer tem feito parte da minha vida. Inclusive, em momentos cruéis, como durante o cancro dos pais. 
A Ciência ainda não progrediu o suficiente por forma a evitar esta demência descoberta em 1906, ou minorar as consequências ao nível degenerativo e não só. O sofrimento dos doentes e cuidadores é, muitas vezes, atroz.
Defendo que não devemos pensar apenas "nos nossos" ou considerarmo-nos as "pessoas mais martirizadas do mundo". Mas todos temos o dever de dar a mão. Simultaneamente, defendo que os doentes devem ser cuidados por familiares, o que o governo em nada ajuda ou apoia. Esquecem que os velhos e doentes de hoje, amanhã seremos nós.

Refira-se ainda que esta demência tem vindo a atingir grupos etários cada vez mais jovens. E ao contrário do que já ouvi numa Escola, por colega de dúbia formação/integridade, esta não é a "doença do esquecimento".

 

Não posso deixar de destacar o comentário de uma antiga aluna, a Helena Costa. Daquelas cuja bondade se nota nos gestos e olhar, não obstante os 20 anos já volvidos.

 

 

<<Já trabalhei com Doentes Alzheimer.

Não é nada fácil. O ter que orientar sem perturbá-los é muito difícil e desgastante, tanto para cuidadores/família como para o doente. Já para não falar na agressividade manifestada em alguns doentes. 
Força muita paciência e calma para todos aqueles que vivem de perto está realidade.>>

 

Lutemos por um mundo melhor.

 

Alzheimer Portugal

 

 

16
Mar18

Desafio 52 Semanas - Os meus brinquedos preferidos na infância

por P. P.

   Não fui uma criança com excesso de brinquedos, uma vez que os meus pais sempre recearam tornar-me mimado (pode ler-se também "fútil") nem pretenderam que divergisse dos meus colegas de escola. Admito, nunca ter sido muito exigente. Sempre soube brincar sozinho e criar os meus brinquedos. Eis uma criança na segunda metade da década de 70 e primeira da de 80.

 

Semana 11 - Brinquedos preferidos na infância

 

Desafio 52 semanas by Fátima Bento

 Caixas de fósforos

   Com estas construía comboios, nos quais transportava, em grandes aventuras, as minhas personagens de Os Marretas. Já com os fósforos fazia diferentes figuras, como a humana. Enquanto isto, a minha mãe preparava as refeições.

 

fire-684014_1920

 

Caixas de ovos

   Estas eram as minhas principais naves espaciais.

Pelo Universo, os meus bonecos viajavam entre aventuras sem par.

 

egg-carton-941744_1920

 

A minha árvore de Natal, decorada da forma inusitada

 

Normalmente, recheada de utensílios de cozinha já não utilizados.

 

holiday-1282996_1920

Solo

A "terra" servia para fazer deliciosos bolinhos.

 

karen-maes-310484-unsplash

Photo by Karen Maes on Unsplash

 

Árvores

Os meus palcos de teatro e do festival da canção.

 

pine-tree-3135621_1920.jpg

 

Penedos

Locais de escalada, palcos de teatro e canto e a fonte de inúmeras quedas e cabeça partida.

 

rock-540129_1920

 

Passeios de carroça com os avós

Como era bom quando saltava e... trincava a língua.

 

clark-young-135152-unsplash

Photo by Clark Young on Unsplash

 

Brincar na e com a Natureza

A fonte dos meus devaneios: as poças de água, os riachos, os pássaros, as ervas verdes, as flores, ...

 

carolina-sanchez-b-83117-unsplash

Photo by Carolina Sanchez B on Unsplash

 

Bonecos

As personagens das minhas encenações e recontos.

 

doll-3227004_1920

 

Rádio

A fonte das minhas inspirações musicais e de tantos desentendimentos com o meu pai, quando estes avariavam.

 

alberto-bobbera-521660-unsplash

 Photo by Alberto Bobbera on Unsplash

 

Televisão

Com a qual, acompanhado pela minha mãe, aprendi que os escravos eram vítimas, que não devemos ser maus, que existem princípios (tudo isto ao nível de grandes novelas de então) e onde vi as melhores séries de animação. É verdade que tive este aparelho no meu quarto, pelos 6 anos, mas apenas lhe tocava com autorização.

 

tina-rataj-berard-168378-unsplash

  Photo by Tina Rataj-Berard on Unsplash

 

Livros de histórias infantis, revistas, banda desenhada

Desde cedo quis aprender a ler. Mas o importante foram os ensinamentos que adquiri.

 

 

E tantos outros.

Frascos de vidro e latas eram utilizados como instrumentos musicais. Riscar, a esferográficas, as portas de casa, uma diversão e o meu gato de plástico... aquele que a minha mãe deitou fora, uma vez que ainda brincava com ele aos 7 anos, receando que, já crescido ainda fosse o meu brinquedo de eleição. É que ele tomava banho, vestia roupas, voava, dormia...Só não posso contar as maldades que fiz, até aos 5 anos, às crias das gatas da minha avó, apenas para ouvir "miauuuu".

 

 

E vocês, quais foram os vossos principais brinquedos?

É preferível a criança construir os seus brinquados e dar asas à imaginação ou ser alimentada pelo consumismo?

 

   Neste desafio participam, para além de mim, por ordem alfabética, a 3ª face, a Ana, a Catarina, o Carlos, a Carlota, a Charneca em Flor, a Daniela, a Desarrumada, a Fátima, a Gorduchita,  Happy, a Hipster Chic, a Isabel, a Mãe A, a Mariana, a Maria Mocha, a Marquesa de Marvila, a Mimi, a Paula, a Sweetener, a Sofia  e o Triptofano .

 

   Verifique o que cada um de nós vai respondendo ao longo do ano. Também pode seguir a tag  52 semanas!

10
Mar18

Desafio 52 Semanas - Gosto de Comer

por P. P.

   Comer é para mim mais do que uma necessidade. É também uma obsessão que adquire algo de obsessivo compulsivo, como forma, inusitada, de combater a ansiedade excessiva. Todavia, neste exercício, e não obstante os meus defeitos, nesta publicação não devemos esquecer aqueles que pouco ou nada teem para comer.

 

Desafio 52 semanas

 

Semana 10 - Gosto de comer

 

Independentemente das minhas problemáticas, os meus pratos preferidos primam pela simplicidade.

 

Photo by Trang Doan from Pexels https://www.pexels.com/photo/pasta-with-vegetable-dish-on-gray-plate-beside-tomato-fruit-on-white-table-769969/

Photo by Trang Doan from Pexels https://www.pexels.com/photo/pasta-with-vegetable-dish-on-gray-plate-beside-tomato-fruit-on-white-table-769969/ 

 

pexels-photo-343871

Arroz

 

pexels-photo-918327

Chocolate

 

pexels-photo-846798

Bolos e outros doces

 

pexels-photo-68899

 Photo by burak kostak from Pexels https://www.pexels.com/photo/water-fruits-colorful-colourful-68899/

 

 

  Neste desafio participam, para além de mim, por ordem alfabética, a 3ª face, a Ana, a Catarina, o Carlos, a Carlota, a Charneca em Flor, a Daniela, a Desarrumada, a Fátima, a Gorduchita,  Happy, a Hipster Chic, a Isabel, a Mãe A, a Mariana, a Maria Mocha, a Marquesa de Marvila, a Mimi, a Paula, a Sweetener, a Sofia  e o Triptofano .

 

Verifique o que cada um de nós vai respondendo ao longo do ano.

Também pode seguir a tag  52 semanas

02
Mar18

Desafio 52 Semanas - Quem gostaria de conhecer ou ter conhecido

por P. P.

   Volvida uma semana após o último Desafio 52 Semanas, eis que o tema desta 9.ª semana é referente a quem gostaria de ter conhecido ou vir a conhecer.

 

Desafio 52 semanas by Fátima Bento

 

   A minha resposta a este desafio é extremamente simples. Gostaria de conhecer um grande amor, a fé e o alento para mudar muita da minha inércia dolente. Tenho muito prazer quando conheço exemplos de vida, de luta e quem me incentiva/ ajuda a ir além, contra um sistema corrupto, corrosivo e viciado.

 

 

De Fabian Perez

 

 

 

   Neste desafio participam, para além de mim, por ordem alfabética, a 3ª face, a Ana, a Catarina, o Carlos, a Carlota, a Charneca em Flor, a Daniela, a Desarrumada, a Fátima, a Gorduchita,  Happy, a Hipster Chic, a Isabel, a Mãe A, a Mariana, a Maria Mocha, a Marquesa de Marvila, a Mimi, a Paula, a Sweetener, a Sofia  e o Triptofano .

 

Verifique o que cada um de nós vai respondendo ao longo do ano.

Também pode seguir a tag  52 semanas

 

23
Fev18

Desafio 52 Semanas - Os meus filmes infantis preferidos

por P. P.

Desafio 52 semanas by Fátima Bento

Semana 8 - Os meus filmes infantis preferidos

 

Na verdade, ao invés de filmes, preferi séries que passaram durante a minha juventude.

A que mais me marcou, Polaca, relatava os diferentes contos de Hans Christian Anderson

Quantas vezes, incluindo já em adulto, terei visto Dartacão e os Três Mosqueteiros? Não sei...

 

Dartacão e os Três Mosqueteiros

 

   Ainda há 2 anos, com os alunos da Unidade de Autistas, revi a Abelha Maia, dos meus tempos, e mais tarde, na France 4 comecei a ver a atual, em 3D.

 

Abelha Maia

 

E Ruy, Pequeno Cid ou As Aventuras de Tom Sawyer...

 

Ruy Pequeno Cid

 

Aventuras Tom Sawyer

 

   O que dizer daquela que me fez chorar, chorar, quando a mãe do ursinho Jacky foi morta pelo bicho homem, alheio às suas crias?

 

Jacky o urso de Tallac

 

   No que concerne a filmes, Música no CoraçãoO Rei Leão foram obras que me marcaram, dada a mensagem.

 

 

   Neste desafio participam, para além de mim, por ordem alfabética, a 3ª face, a Ana, a Catarina, o Carlos, a Carlota, a Charneca em Flor, a Daniela, a Desarrumada, a Fátima, a Gorduchita,  Happy, a Hipster Chic, a Isabel, a Mãe A, a Mariana, a Maria Mocha, a Marquesa de Marvila, a Mimi, a Paula, a Sweetener, a Sofia  e o Triptofano .

 

Verifique o que cada um de nós vai respondendo ao longo do ano.

Também pode seguir a tag  52 semanas

 

 

Pesquisar

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Sussure-nos

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Direitos

Ainda que procure uma utilização cautelosa e não abusiva de textos, imagens e sonoridades, poderá haver lugar à utilização indevida de obras objeto de direitos de autor. Contudo, apesar do recurso às hiperligações de origem, sempre que a legislação o implique ou seja devidamente informado, de imediato procederei a reajustes. Os textos e fotografias sem referência bibliográfica são da minha autoria.

Wook