Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

[in]Sensato

Momentos de reflexão, opinião, crítica e entretenimento

31
Mar19

Sedução

por P. P.

IMG_20190320_092017_453 by PP

 

    A vida, uma nova vida.

No exercício da sedução são aspetos inibidores, os fatores ambientais, ainda abnegados por muitos, destroçados pela poluição, as políticas e as medidas preventivas. Por aí, gotas de sangue ditadas pela ignorância ou ganância de muitos...

 

30
Mar19

Série - Que Coisa Mais Linda

por P. P.

Que coisa mais linda

    Que Coisa mais Linda é uma série brasileira, recentemente lançada na plataforma Netflix. Com 7 episódios, Que Coisa Mais Linda é uma série que evidencia a resiliência, o preconceito, o racismo, as assimetrias, o alcoolismo, o empreendedorismo, as mães e aquelas que tentam sê-lo, no Rio de 1959. Trata-se de uma história de mulheres que ousaram enfrentar o machismo. De homens rudes e de brandos costumes e dos que com eles contrastam. Em simultâneo, o começo da Bossa Nova, um estilo musical por nós tão conhecido.

    Malu (Maria Casadevall) é o ponto de partida da trama, ao viajar para o Rio de Janeiro, no intuito de encontrar o marido e começar uma vida nova. Inesperadamente, descobre que ele fugiu com todo dinheiro que lhe pertencia. Além disso, ele estava muito individado.  Ela decide dar início a uma nova fase, sozinha, abrindo um clube dedicado à música, no local onde ela e o marido iriam abrir um restaurante. No decorrer da sua história, esta liga-se à de outras três mulheres: Lígia (Fernanda Vasconcellos), que renunciou do sonho de ser cantora para se casar ; Thereza (Mel Lisboa), uma jornalista à frente da sua época; e Adélia (Pathy Dejesus), que vive num morro e trabalha como empregada de limpeza para se sustentar e à filha.

 

 

     Em meu entender, esta é uma série para ser vista por pais e filhos, no intuito de alertá-los para as diferenças de género e para a violência doméstica. Apesar de indicada para maiores de 16 anos, alunos do 2.º CEB já conseguem acompanhá-la e entendé--la, sobretudo se orientados. Escusado será dizer que defendo a Educação para os Afetos. Nesta obra, a violência doméstica é apresentada de forma real e contextualizada

 

    No atinente a aspetos específicos, os figurinos, os cenários, o desempenho dos atores e a história são excelentes. Sem dúvida que esta é uma das minhas séries do ano. No último episódio, um final inesperado, o qual deixa em aberto a probabilidade de uma 2.ª temporada. Veja o trailer aqui.

29
Mar19

Quando barbudo, uma Presença de Luxo

por P. P.

PP em tempos de barba

 

    Infelizmente, como já referi, em artigos anteriores, vivo numa cidade do centro norte do país, sem vitalidade, de parcos recursos, em diferentes contextos. Como tal, muitas vezes recorro às lojas de vendas online

 

    No ano passado, após os incêndios que nortearam a região, cobrindo-a por um manto escuro, procurei mudar algo no meu exterior, já que o meu interior parecia imutável. Como tal, pela primeira vez, usei barba. Simultaneamente, adquiri alguns dos produtos essenciais, e mais tarde outros, cuja importância desconhecia. Na Presença de Luxo, comprei alguns elementos que me fizeram viajar no tempo, tais como, a taça de barbear e o pincel, peças que ainda hoje, já sem barba, utilizo. Entretanto, não esquecer um essencial, nem sempre fácil de encontrar, a barra homeostática.

 

    De referir que esta loja disponibiliza artigos profissionais. Como desvantagem, os portes. Porém, são gratuitos, numa compra, a partir de €60.

 

"Erros meus/ Má fortuna"

Uma alteração de "estilo" ajuda a ultrapassar momentos menos bons?

Pág. 1/8

Pesquisar

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Sussure-nos

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Direitos

Ainda que procure uma utilização cautelosa e não abusiva de textos, imagens e sonoridades, poderá haver lugar à utilização indevida de obras objeto de direitos de autor. Contudo, apesar do recurso às hiperligações de origem, sempre que a legislação o implique ou seja devidamente informado, de imediato procederei a reajustes. Os textos e fotografias sem referência bibliográfica são da minha autoria.

Wook