Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

[in]Sensato

Momentos de reflexão, opinião e entretenimento, no deambular entre pólos

[in]Sensato

Momentos de reflexão, opinião e entretenimento, no deambular entre pólos

Leitura - De Negro Vestida

   Este é o livro que a minha mãe, nos seus 66 anos, devorou num ápice. De João Paulo Videira, da Chiado Editora, um retrato de muitas mulheres da sua geração.

 

A respeito desta obra, na contracapa da minha edição, José Cabeleira Gomes refere:

 

(...) Este romance, ao dar voz à mulher, ajusta contas com o homem. Incapaz de distinguir o sexo do amor, incapaz de respeitar a mãe dos seus filhos. O homem cobridor!" ...

 

 

 

20170805_De Negro Vestida por PP

 

Atualização, em 25 de setembro de 2017

 

Para saber mais, a respeito da obra, leia esta publicação, no blogue do autor.

Fotografia - Olhar sedento

   Longe vão os dias em que ousava retocar os seus lábios de vermelho sangue.

Insensata à luz da sedução, aquele cruzar de pernas rendia-lhe o paraíso jamais ambicionado pelos moradores de rua.

Naquela dia, sedenta do elixir fálico do amante, enquanto o carro preto servia de esconderijo aos segredos mais profundos da sua condição, nada a fizera prever que a sua mão iria ao encontro de algo hirto e relativamente grosso. O punhal que se inteirou do seu corpo, no rodopio dos segredos de um certo senhor do Estado, para o qual a verdade da mentira jamais podia emerger.

P.P. 

 

 

IMG_20170804_153008_508 do meu arquivo pessoal

 

O preconceito é sinal de desconhecimento

 

 

A dança também é "coisa" de homens.

 

 

André Branco

 

 

 

   O título desta publicação é uma afirmação de André Branco, dançarino e coreógrafo, que todos já tivemos a oportunidade de acompanhar, por exemplo, em Dança com as Estrelas, da TVI. Desta vez, surge em destaque num artigo do blogue de João Montez, Pela Fechadura. A apresentação está tão bem conseguida que, a meu ver, nada mais há a acrescentar. 

 

 

Sou apaixonado pelo que faço.

E tu,

Podes dizer o mesmo?

 

                                                               André Branco

 

 

   Vejam o vídeo seguinte, com atenção, acompanhem o blogue do João e não esqueçam: o preconceito é sinal de desconhecimento.

 

 

 

 

Vídeo

Realização e Edição: João Pereira
Ass. de Realização: Fábio Mestre
Ass. de Produção: Rui Marques

 

Não esqueçam: continuem a inscrever os vossos filhos em atividades extracurriculares que correspondem aos vossos sonhos, às palavras da sociedade e não às reais potencialidades e interesses das vossas crianças/adolescentes. 

 

 

Allen Jones - Sin-Derella

Vamos treinar a nossa percepção e sentido crítico ao interpretar esta pintura?

 

Deixo o meu parecer depois dela para que a possam ver e rever, deixando o vosso parecer sem a influência do meu olhar..

 

 

Allen Jones (British, b. 1937), Sin-Derella, 1969. Oil on canvas, 84 x 72 in.

 Allen Jones (British, b. 1937), Sin-Derella, 1969. Oil on canvas, 84 x 72 in.

 

 

   Ao primeiro olhar, curiosamente menos atento, nesta pintura vi a união (aliança) e a fusão de dois corpos, sitiada por um foco de luz. Depois, numa 2.ª interpretação, e atendendo ao nome, penso que o pintor tenta transmitir um momento de dança de Sin-Derella, iluminado por um foco de luz.

Pág. 5/5