Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

[in]Sensato

Momentos de reflexão, opinião e entretenimento, no deambular entre pólos

[in]Sensato

Momentos de reflexão, opinião e entretenimento, no deambular entre pólos

Uma música para o Dia do Pai

   Muitos de nós já perdemos o pai, alguns antes do "tempo previsto", envolvendo uma dor indiscritível. Esta é a dor da saudade!

 

 

nick-wilkes-490-unsplash

Photo by Nick Wilkes on Unsplash 

 

 

   Quantos de nós, durante grande parte da vida do nosso progenitor não conseguiu estabelecer laços? Quantos foram vítimas dos traumas deixados pela Guerra do Ultramar? Quantos não associam esta figura à violência, física ou psicológica, sendo que esta última deixa marcas quase irreversíveis? Seja como for, há a saudade. Não nos compete julgar reações que possam estar associadas ao passado do outro. Todavia, de forma quase incoerente, em muitos a raiva não morre. Mas, o ódio corrói. Há que saber perdoar e tentar compreender. Claro que não estou a considerar tentativas de assassinato, violações e outros atos hediondos.

 

   Aqueles que ainda têm pai devem aproveitar cada minuto. Não sabemos o que acontecerá, nas nossas vidas, passado um minuto. É impreterível conversar e em casos semelhantes aos citados, procurar ajuda de um especialista. 

 

   Nos anos 70, Fábio Jr. lançou o tema que descreve o que é a relação com muitos dos nossos progenitores masculinos.

 

 

Feliz Dia do Pai, sem materialismo, mas com palavras e atos.

 

Leia a letra e escute ainda, se assim quiser, em português do Brasil, por forma a que todos possam entender a mensagem, os seguintes 3 temas.

 

Meu Herói

 

11 Vidas

 

Te Amo Pai